Aérea deve indenizar passageiros que não viajaram em assento especial

Por constatar falha na prestação do serviço, a 1ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça da Paraíba condenou a TAM Linhas Aéreas a indenizar dois passageiros em R$ 10 mil por não disponibilizar os assentos especiais contratados.
Reprodução
Empresa argumentou que outros passageiros tinham prior…
Fonte: ConJur