Barroso libera para julgamento prisão após decisão do Júri

O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal, liberou para julgamento recurso extraordinário que discute a constitucionalidade de execução imediata de condenações impostas pelo Tribunal do Júri. Ainda não há previsão de data.
Barroso entende que matéria trata da soberania do …
Fonte: ConJur