Congresso abandona “nova política” e tem guinada conservadora

A “nova política” perdeu espaço de maneira definitiva na política brasileira. Embora muitos de seus nomes, dentre os que se destacaram em 2018, tenham obtido votações relevantes, em 2022 já concorreram sem o mesmo apelo de outsider. A marca dessas eleições é a nova guinada conservadora do Congres…
Fonte: ConJur