Consórcio deve devolver valores pagos por desistente

Jurisprudência do Superior Tribunal de Justiça balizou decisão de juíza de SP
STJ
É devida a restituição de valores vertidos por consorciado desistente ao grupo de consórcio, mas não de imediato, e sim em até 30 dias a contar do prazo previsto contratualmente para o encerramento do plano….
Fonte: ConJur