Gravação de audiência feita sem autorização não serve de prova

Gravação de audiência feita sem o conhecimento dos presentes, em especial do juiz, não pode ser usada como prova por desrespeitar princípios inerentes ao processo judicial, como o da ética, da transparência, da lealdade, da boa-fé e da cooperação.
Com base nesse entendimento, o Tribunal Region…
Fonte: ConJur