Jovem tatuado na testa como ladrão é condenado por furto anterior

O homem capturado e torturado com uma tatuagem a força na testa por tentar roubar uma bicicleta foi condenado a 4 anos e 8 meses de prisão pelo roubo de um celular em um outro caso, ocorrido numa unidade de saúde municipal de São Bernardo do Campo, no ABC paulista. 
Ruan ficou nacionalmente …
Fonte: ConJur