Juíza determina bloqueio de R$ 3 mi da CSN por risco em barragem

A juíza Flávia Generoso de Mattos, da 2ª Vara Congonhas (MG), determinou o bloqueio de R$ 3 milhões da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), responsável por uma barragem de rejeitos que apresenta risco iminente de rompimento. A decisão é desta quarta-feira (10/7).
DivulgaçãoDecisão bloqueia …
Fonte: ConJur