Loja deve indenizar cliente por produto entregue a outra pessoa

Uma loja virtual responde pelos danos causados ao consumidor que teve sua encomenda entregue a outra pessoa. Assim entendeu o juízo da Vara Única de Ibatiba (ES) ao condenar uma loja a indenizar, em R$ 2 mil, um cliente por danos morais.
Juiz entendeu que a empresa demonstrou descaso com o c…
Fonte: ConJur