Moro diz que mandou destruir provas apreendidas com hackers presos

O ministro da Justiça Sergio Moro informou que vai descartar mensagens apreendidas com suspeitos presos na terça-feira (23/7) pela Polícia Federal. Eles são acusados de invadir celulares de autoridades, entre elas o próprio Moro, que se declara vítima nesse caso.
Fabio Rodrigues Pozzebom/Agê…
Fonte: ConJur