Moro e MPF: O jokenpô (pedra-papel-tesoura) da “lava jato”!

O Direito brasileiro inventou um novo conceito de “imparcialidade”, pelo qual tudo é/será permitido nesse novo jokenpô. Explicarei na sequência. Deus morreu… e agora tudo pode(?).
Pensemos em coisas que, em circunstâncias de democracia plena, causariam enorme indignação pelo menos no meio ju…
Fonte: ConJur