Opinião: O direito de se libertar de recordações opressivas

O presente artigo tem por objetivo traçar linhas gerais acerca da doutrina do chamado “direito ao esquecimento”, que, aqui, preferimos denominar o “direito de se libertar de recordações opressivas” [1].
O tema é importante, tendo em vista vivermos em uma sociedade extremamente dinâmica, em que…
Fonte: ConJur