Portaria sobre deportação viola direitos e a Constituição, diz DPU

É preocupante constatar a criação, por portaria ministerial, de um conceito jurídico indeterminado chamado “pessoa perigosa”, que remete às piores lembranças autoritárias do Direito Migratório brasileiro, afirmou em nota a Defensoria Pública da União, ao comentar a Portaria 666, publicada pelo Mi…
Fonte: ConJur