Quantidade de drogas apreendidas não justifica prisão, diz TJ-SP

Por considerar que a quantidade de drogas apreendidas não indica gravidade concreta que justifique o cárcere, a 12ª Câmara de Direito Criminal do Tribunal de Justiça de São Paulo manteve, por unanimidade, uma decisão que determinou a soltura de um homem preso por tráfico de drogas.
FreepikHo…
Fonte: ConJur