Saraiva: O STF, o estado de exceção e a prisão do deputado

A Filosofia da História, em autores como Quentin Skinner, na obra “Liberdade antes do liberalismo”, retrata, como ponto de partida para o desenvolvimento do constitucionalismo, este enquanto fenômeno jurídico-civilizacional, direitos como a “liberdade de discurso, de movimento e de contrato” [1]….
Fonte: ConJur