TST mantém indenização a gerente atingido por tiro de cliente

A 6ª Turma do Tribunal Superior do Trabalho (TST) manteve decisão que condenou o Banco do Nordeste do Brasil (BNB) a indenizar um gerente-geral que foi vítima de um tiro disparado por um cliente. Para o colegiado, os valores fixados, de cerca de R$ 1,8 milhão, observaram integralmente os critério…
Fonte: ConJur